Administrativa no image

Publicado em 04/03/2013 | por Mestre

Banco Central

Momento importante pra autorização….
Os próximos dias deverão ser de grande importância no processo de autorização do concurso do Banco Central (BC), para cargos dos níveis médio e superior, previsto para este ano. A expectativa é que, após o julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF), de recurso contra decisão do tribunal que determinou a análise de vetos presidenciais em ordem cronológica pelo Congresso Nacional, seja viabilizada a votação do orçamento da União para 2013.
Acredita-se que a seleção do BC somente será autorizada pelo Ministério do Planejamento após a aprovação do orçamento deste ano no Congresso, como já destacou o presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (Sinal), Sérgio Belsito. O banco solicitou ao Planejamento, em setembro do ano passado, 1.850 vagas para concursos em 2013 e 2014. Foram pedidas ao todo 400 vagas de técnico (de nível médio, com remuneração inicial de R$5.290, incluindo auxílio-alimentação, de R$373), 1.330 de analista (superior; R$13.333) e 120 de procurador (bacharelado em Direito; R$16.092). Para este ano, o BC espera autorização para pelo menos 1.090 vagas, sendo 200 de técnico, 830 de analista e 60 de procurador, o que equivale à demanda de novos servidores deste exercício, segundo o banco.
Após um longo período estagnado, a tramitação do pedido de concurso do banco progrediu no Planejamento neste mês de fevereiro. O avanço se deu por meio de um novo processo, que não informa, no entanto, quantas vagas deverão ser liberadas. Tendo manifestado, inicialmente, a intenção de admitir os aprovados no concurso ainda este ano, a chefe do Departamento de Gestão de Pessoas (Depes) do banco, Nilvanete Ferreira, já admite a possibilidade de contar com novos servidores somente em 2014, devido ao atraso na liberação do concurso, que era esperada para até o fim de 2012. O presidente do Sinal, Sérgio Belsito, já alertou para importância da pronta autorização de concurso para o banco, tendo em vista a possibilidade de até 1.400 servidores se aposentarem até o fim do ano que vem.
Edital – Segundo o chefe adjunto do Depes, Delor Moreira, a intenção do BC é divulgar o edital, no máximo, três meses após a autorização. Ainda de acordo com ele, as vagas deverão ser distribuídas por todas as dez capitais onde o banco possui representação: Rio de Janeiro, Brasília (sede), São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Recife, Fortaleza e Belém.
Sendo mantidas as etapas da última seleção, realizada em 2009, o concurso compreenderá provas objetivas, prova discursiva (apenas para analista), avaliação de títulos (dependendo da área de atuação), sindicância de vida pregressa e programa de capacitação, além de três provas discursivas e prova oral, para procurador. Delor já afirmou que 90% do programa do concurso de 2009 deverá ser mantido.
Fonte: Folha Dirigida

Tags: , , , , , , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑