Administrativa no image

Publicado em 14/05/2013 | por Mestre

Banco Central

Possível restrição de locais de prova pode gerar polêmica….

O mês de maio vai chegando à sua metade e com isso cresce a expectativa pela definição da organizadora do concurso do Banco Central (BC) para 515 vagas nos cargos de técnico, analista e procurador. Inicialmente, o chefe adjunto do Departamento de Gestão de Pessoas (Depes) do banco, Delor Moreira, chegou a afirmar que a organizadora seria escolhida até meados deste mês. Porém, na sequência, a Assessoria de Imprensa da autarquia informou que a definição ocorrerá, provavelmente, até o fim do mês. O edital está previsto para o fim de julho e as provas para setembro, a princípio. Mas antes mesmo da divulgação do edital de abertura do concurso, uma questão já promete gerar polêmica: com a possibilidade do concurso não contar com vagas para todas as dez capitais onde o banco possui unidades (Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Recife, Fortaleza e Belém), o BC cogita aplicar as provas da seleção apenas nas capitais onde houver oferta de vagas. Há um receio, no entanto, que a medida gere questionamentos por parte do Ministério Público. Caso se confirme, a decisão valeria apenas para os cargos de técnico e analista, uma vez que uma portaria publicada no mês passado já definiu que as provas para procurador terão que ser realizadas ao menos nas dez capitais com representação do banco.

O BC só deverá definir a distribuição das vagas do concurso a partir de junho, após o processo de remoção interna de servidores, que deve ser concluído ainda este mês. Segundo Delor, do Depes, até o momento, apenas Brasília, onde fica a sede, tem garantia de receber parte da oferta da seleção.  Belém foi citada como uma provável contemplada. As outras regionais só terão uma definição após o concurso de remoção, de acordo com ele.

O banco também terá que definir se o concurso será ou não regionalizado (com a distribuição das vagas por região sendo informada no edital, com o candidato optando, no ato da inscrição, para qual delas deseja concorrer) e ainda a distribuição das oportunidades por área de atuação. Conforme noticiado no último dia 8, o diretor nacional de Assuntos Previdenciários do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (Sinal), Sérgio Belsito, afirma que há indícios de que haverá vagas ao menos para nove das dez capitais com unidades do banco, incluindo o Rio de Janeiro. Segundo ele, há dúvida apenas com relação a destinação de vagas para Belo Horizonte. “Todas as outras capitais devem contar com vagas”, disse Belsito, que preside o Sinal no Rio de Janeiro.

Oferta e etapas - Serão 100 vagas para técnico (nível médio), 400 para analista (superior) e 15 para procurador (bacharelado em Direito). As remunerações iniciais, já com o auxílio-alimentação, de R$373, são de R$5.531,23 para técnico e R$13.968,85 para analista, conforme reajuste sancionado no último dia 9. Para procurador, cujo reajuste entrou em vigor no início do ano, os rendimento iniciais são de R$16.092,13 (também com o auxílio). Em todos os casos, as contratações ocorrerão pelo regime estatutário, que proporciona estabilidade, e carga de trabalho é de 40 horas semanais. Além do auxílio-alimentação, os servidores do BC fazem jus a outros benefícios, como plano de saúde (com coparticipação).

Para os cargos de técnico e analista, sendo mantidas as etapas da seleção anterior, aberta em 2009, o concurso será composto de provas objetivas, prova discursiva (apenas para analista), avaliação de títulos (dependendo da área de atuação), sindicância de vida pregressa e programa de capacitação. No caso de procurador, a portaria divulgada no mês passado já determinou a estrutura da seleção, que compreenderá prova objetiva, três provas discursivas, prova oral e avaliação de títulos, sindicância de vida pregressa e curso de formação.

Fonte: Folha Dirigida

Tags: , , , , , , , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑