Dicas no image

Publicado em 13/11/2012 | por Mestre

Depen

Serão 138 vagas  para  este  concurso

Saiu a autorização para o concurso público do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Haverá 138 vagas, sendo 100 para o cargo de agente penitenciário federal (nível médio) com salário inicial de R$4.650,04. De acordo com o órgão, o edital para o Depen será divulgado em maio de 2013.

As outras 38 vagas restantes para o certame do Depen serão para técnicos de apoio à assistência penitenciária (4) e especialista em assistência penitenciária (34), carreiras de nível técnico e superior respectivamente. O vencimento dos cargos técnicos será de R$3.159,97, já para nível superior será de R$4.650,04.

Os candidatos convocados serão contratados sob o regime estatutário que confere estabilidade. A carga de trabalho poderá variar de 40 horas semanais á 192 horas mensais, nos casos de aplicação dos regimes de plantões. Os aprovados para o Depen poderão ser lotados nas unidades prisionais de Porto Velho (ES), Mossoró (RN), Campo Grande (MS), Catanduvas (PR) e na administração central de Brasília.

O último concurso ocorreu em 2008. Na ocasião foram oferecidas vagas para os três cargos que farão parte da futura seleção de 2013. No certame anterior, houve um total 98.204 inscritos, disputando 600 vagas para agente penitenciário federal. As provas foram aplicadas em todos os estados e organizadora da seleção foi a FunRio. As fases da seleção anterior deverão ser mantidas: avaliações objetivas, teste de aptidão física e psicológica, além de investigação de antecedentes criminais e por fim, curso de formação. No concurso de 2008, a prova para agente versou sobre Conhecimentos de Informática, Raciocínio Lógico, Língua Portuguesa e direitos Administrativo, Penal, Constitucional e Processual Penal, além de noções de Direitos Humanos.

Para especialista e técnico foram ofertadas 44 e 12 vagas, respectivamente. Houve 4.143 inscritos para o cargo de especialista e 1.823 para o de técnico. Para ambos os cargos, as provas trouxeram questões de Conhecimentos de Informática, Raciocínio Lógico, Língua Portuguesa; direitos Administrativo, Penal, Constitucional, e de Conhecimentos Específicos, além de noções de Direitos. A seleção  também contou com provas de aptidão física e psicológica, verificação de antecedentes criminais e por fim, curso de formação.

Fonte: Site Até passar

Tags:


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑