Judiciária no image

Publicado em 04/04/2011 | por Mestre dos Concursos

Ministério Público do Rio de Janeiro

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPE-RJ), que se prepara para lançar concurso para 90 vagas do quadro de apoio até junho (40 para nível superior e 50 para médio), se destaca por oferecer não apenas esses diferenciais, mas também por ter a tradição de convocar muitos aprovados em suas seleções.

Prova disso é que, no último concurso, feito entre 2006 e 2007, sob organização do NCE/UFRJ, foram abertas, inicialmente, apenas 131 vagas (11 para técnico superior administrativo, de nível superior, e 120 para técnico administrativo, de médio). No entanto, já foram convocados cinco vezes mais candidatos (precisamente 653, dos quais 106 técnicos superiores e 547 técnicos). Além disso, o quantitativo poderá subir ainda mais, visto que a validade da seleção terminará apenas no próximo dia 18 de maio.

Segundo o procurador-geral de Justiça, Cláudio Soares Lopes, que chefia o MPE, as 90 vagas iniciais da nova seleção serão distribuídas por 50 técnicos administrativos, de nível médio, e 40 analistas administrativos (antigos técnicos superiores administrativos), de nível superior. As carreiras de analista não estão fechadas, mas, na última seleção, puderam participar bacharéis em Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Administração ou Direito.

Os futuros servidores terão, de acordo com a Assessoria de Imprensa do órgão, remunerações de R$3.852,08 (técnico) e R$5.969,09 (analista), sendo R$3.302,08 e R$5.419,09 de vencimentos (respectivamente) e R$550 de auxílio-alimentação. Ainda haverá vale-transporte (R$124), auxílio-saúde (R$350, incluindo dependentes) e possível comissão para cargo de gerência (somente analistas).

Como a comissão do concurso e a organizadora ainda não foram fechadas, não está definido se as vagas serão pulverizadas por promotorias da capital e cidades do interior ou se a lotação será decidida após a nomeação do servidor. No entanto, se a primeira opção se mostrar viável economicamente, será implementada por Lopes. O formato da seleção não está fechado, mas poderá ser parecido com o da última, que teve prova objetiva de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Organização do MPE e Direito Constitucional e Administrativo (nas duas últimas, somente noções para técnico de nível médio).

FONTE: Folha Dirigida



Tags: , , , , , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑