Militar Abril-30-Polícia-Militar-de-São-Paulo-

Publicado em 02/06/2015 | por Mestre

PM/SP: aberto concurso com 240 vagas de aluno-oficial

Diretoria de Pessoal da Polícia Militar do Estado de São Paulo lançou edital de concurso para o ingresso no Curso de Formação de Oficiais (CFO) com 240 vagas para homens e mulheres. As oportunidades são para o cargo de aluno-oficial no bacharelado em ciências policiais de segurança e ordem pública na Academia de Polícia Militar do Barro Branco – APMBB.

Podem participar candidatos brasileiros com ensino médio completo, idade até 26 anos; altura mínima de 1,65m para homens e 1,60m para mulheres, quite com as obrigações eleitorais e militares.

Remuneração

O salário oferecido ao aluno-oficial da PM/SP, é de R$ 2.855,03 – composto por salário base de R$1.155,88, mais Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) no valor de R$ 1.155,88 e insalubridade no valor de R$ 543,27.

Inscrições no concurso da PM/SP

Para se inscrever, o candidato deve preencher cadastro no site da organizadora Vunesp (www.vunesp.com.br), até as 15h59 do dia 24 de junho, e pagar a taxa no valor de R$ 130.

A primeira etapa do concurso da PM/SP está prevista para o dia 9 de agosto e constará de prova escrita objetiva com 80 questões de nível médio de escolaridade, mais redação.
A segunda etapa do certame será de teste de condicionamento físico com flexão e extensão de cotovelos, abdominal, corrida de 50 metros, corrida de 12 minutos e prova de natação.
Além destas fases, os selecionados passarão por exames psicológicos e de saúde, e investigação social.

Sobre o curso de Aluno-Oficial da PM/SP

A seleção para o bacharelado, depois das etapas de provas, ocorrerá na ordem a seguir.
Primeiro, o aprovado fará ingresso na Academia de PM do Barro Branco e receberá o título de aluno oficial do 1º ano do curso de bacharelado em ciências policiais de segurança e ordem pública, que dura quatro anos. Passando por este período, o aluno será aspirante a oficial e permanecerá assim até o fim do estágio (com duração de seis meses, de acordo com o decreto 61.270, divulgado no Diário Oficial do dia 23/05/15), quando passará para 2º tenente. Neste posto, exercerá funções administrativas e de administrador do policiamento operacional por no mínimo três anos, quando chegará a 1º tenente. Futuramente, outras funções poderão ser exercidas por ele (desde que passe pelas etapas necessárias): capitão, comandante de companhia, major, tenente coronel e coronel.

 

BANNERBLOG


Sobre o autor



Comments are closed.

Back to Top ↑