Dicas no image

Publicado em 28/05/2012 | por Mestre

Saiba como não desperdiçar tempo na hora de fazer prova

Dicas de como administrar  seu tempo

Por melhor que seja a preparação do candidato, no momento da prova sempre fica a sensação de que faltou algo… Em muitos casos, o que faltou foi tempo para resolver melhor as questões, ter calma para pensar. Muitos concurseiros acabam reprovados justamente pela dificuldade em organizar, saber dividir e tirar proveito máximo das horas destinadas à resolução da prova.

É interessante que o candidato saiba quanto tempo pode usar em cada questão para que possa conseguir resolver toda a prova. Uma forma de saber quanto tempo teria para resolver cada questão seria diminuir 20 minutos do tempo total da prova para marcar o cartão de respostas e dividir o restante pela quantidade de questões. Para exemplificar, se uma prova tem 100 questões e 4 horas (240 minutos) para ser resolvida, subtraindo os 20 minutos do cartão respostas restam 220 minutos. Dividindo o restante pela quantidade de questões (220/100 = 2,2) temos que cada questão deve ser resolvida em 2 minutos e 12 segundos. Entretanto, em um concurso existem questões fáceis, médias e difíceis. Desta forma, é possível que uma questão seja resolvida em 30 segundos e outra leve 4 minutos. Cabe ao candidato administrar isso.

A quantidade de vezes que um aluno deve ler um enunciado depende do conhecimento que ele possui na disciplina. Caso o conhecimento seja avançado, uma lida será suficiente. Caso seja apenas razoável, poderá ser necessário reler o enunciado mais de uma vez.
Treinar com provas anteriores é fundamental na preparação para um concurso público, principalmente utilizando questões da banca que irá organizar o certame pretendido. Muitas vezes, a forma de estudo e o aprofundamento necessário em uma disciplina são diferentes, pois variam de acordo com a banca organizadora. 
Infelizmente existem algumas provas que são praticamente impossíveis de serem terminadas. Nessas provas o aluno precisa ter a consciência de que uma determinada questão muito difícil e extensa não é para ser feita, pois ela pode tomar o tempo de duas questões fáceis. Numa situação extrema, e de evidente risco de deixar um maior número de questões em branco, é melhor abrir mão dela.
Nos últimos 20 minutos de prova o aluno deve parar de resolver as questões para poder marcar o cartão de respostas. Se após marcar o cartão respostas ainda sobrar alguns minutos, aí sim poderá ser feita alguma questão que tenha sido pulada.
Para conseguir a aprovação não existe milagre. O sucesso só é conseguido com trabalho árduo, ou seja, muito estudo, bom material e dedicação.

Tags: , , , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑