Administrativa no image

Publicado em 05/07/2012 | por Mestre

TRF 5ª Região

Mais informações
O Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5ª Região) está com inscrições abertas para a seleção cujo, o objetivo é a formação de cadastro de reserva para o quadro técnico-administrativo. As oportunidades estão distribuídas pelos estados de Pernambuco(sede), Alagoas, Paraíba, Ceará, Rio Grande do Norte e Sergipe.
A seleção contemplará os cargos de técnico judiciário da área administrativa (nível médio); técnico judiciário da área de segurança em transporte (nível médio mais carteira de motorista); analista judiciário das áreas administrativa, judiciária e de execução de mandados (nível superior). Para concorrer à função de analista da área administrativa é admitido qualquer curso superior, já os demais
necessitam de formação em Direito.
As contratações serão regidas pelo regime estatutário, garantia de estabilidade, além da possibilidade de ascensão profissional. As  remunerações iniciais são de R$3.993,09 para o nível médio e de R$6.551,52 para os graduados, valores que já incluem vencimento e Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ).
As inscrições devem ser feitas no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora, até 20 de julho. O valor da taxa é de R$62,75 para técnico e R$72,75 para analista. O pagamento do boleto poderá ser feito até o dia 10 de agosto em qualquer agência bancária.
Quem estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e tiver renda familiar mensal igual ou inferior a três salários mínimos (R$1.866) ou renda familiar per capita de até meio salário mínimo (R$311) mensal poderá solicitar, durante o mesmo período das inscrições, isenção da taxa. Para requerer isenção o candidato precisará fazer o pedido através do site da organizadora. O número de inscrição (NIS) que comprove participação nos Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) deveser informado. Os requerimentos deferidos serão divulgados no dia 27de julho.
Os que optarem por concorrer às vagas reservadas devem assinalar acondição no ato da inscrição e enviar laudo médico a sede da organizadora, via Sedex ou aviso de recebimento (AR) dentro do prazo
para cadastros. Além do laudo, é preciso informar o número do RG, CPF e a opção de cargo, área, especialidade, e local de lotação pretendidos.
Avaliações- Com quatro horas e meia de duração, a prova objetiva aplicada no dia 23 de setembro terá 50 questões para os concorrentes a técnico e 60 para os candidatos a analista. Haverá ainda uma prova discursiva (redação) para todos as funções – exceto para o cargo de técnico especialista em segurança e transporte, que no lugar da redação fará exame de capacidade física. Já os que disputam a função de técnico da área administrativa farão prova prova prática de digitação.
O teste objetivo será dividido entre Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos. Faz parte do conteúdo programático asmatérias de Língua Portuguesa, Atos Normativos, Direito do Consumidor, Direito Ambiental, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Tributário, Direito Previdenciário, Noções de Administração, Noções de Administração Pública, Noções de Administração Financeira e Orçamentária, Noções de Gestão de Pessoas, Noções de Planejamento de Segurança, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Administração, Noções de Administração Pública, Direito Administrativo e Direito Constitucional, de acordo com a função assinalada.
Fonte: Folha Dirigida

Tags: ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑