Administrativa no image

Publicado em 28/03/2013 | por Mestre

TRT 2ª Região

Tribunal inicia preparativos do concurso…
O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-SP), com sede na capital paulista,  já deu início aos preparativos para realizar seu concurso para os cargos de técnico e analista judiciário, com edital previsto para ser publicado ainda no primeiro semestre. No momento, de acordo com informações da assessoria de imprensa do órgão, está sendo realizado o levantamento do número de vagas que serão oferecidas. Além disso, o TRT-2 também já iniciou os procedimentos para a escolha da empresa ou fundação organizadora.Para concorrer é necessário possuir ensino médio para técnicos e nível superior para analistas. Os vencimentos são de R$7.261,52 para analista e R$4.703,08 para técnicos, já considerando-se o vale-alimentação de R$710.
O órgão já definiu quais serão as áreas de atuação do concurso. No caso de analista, a autorização é para preenchimento de vagas e formação de cadastro de reserva nas áreas judiciária, administrativa e de execução de mandados, além de diversas especialidades: Contabilidade, Tecnologia da Informação, Biblioteconomia, Clínica  Geral, Medicina do Trabalho, Cardiologia, Psiquiatria, Psicologia, Estatística e Arquivologia. Os candidatos interessados nas áreas judiciária e de execução de mandados devem possuir diploma de Direito. Para a área administrativa é exigido ensino superior em qualquer curso.
Para técnico judiciário, que exige ensino médio como pré-requisito, serão contempladas as áreas administrativa e áreas de apoio: Digitação, Enfermagem, Operação de Computadores, Tecnologia da Informação, Artes Gráficas, Carpintaria e Marcenaria, Estrutura de Obras e Metalurgia, Telecomunicações e Eletricidade, Mecânica, Apoio de Serviços Diversos; Copa, Telefonia, Transporte e Segurança. Para técnico na área administrativa, a prova do último concurso contou com 60 questões, sendo 30 de Conhecimentos Gerais, com peso um, e 30 de Conhecimentos Específicos, com peso dois. Para analista foram 25 questões de Conhecimentos Gerais, com peso um, e 35 de Conhecimentos Específicos, com peso três, além de redação.
O último concurso ocorreu em 2008 e foi organizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC). Na ocasião, foram oferecidas 21 vagas, além de formar cadastro reserva de pessoal. Apesar do número pequeno de vagas abertas, foram convocados, até o final da validade do concurso, em fevereiro deste ano, 5.019 candidatos, sendo 2.630 técnicos e 2.389 analistas judiciários. Ao todo foram registrados 94.808 inscritos.

Fonte: Folha Dirigida

Tags: , , , , , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑