Categorias no image

Publicado em 06/07/2012 | por Mestre

TRT – MT

Aprovado regulamentação dos 176 novos cargos
O Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso aprovou a normatização para implantação dos 176 novos cargos criados pela Lei 12.660/12, de acordo com a Resolução 63 do Conselho Superior da Justiça do Trabalho – CSJT, que padroniza a lotação de servidores no Judiciário Trabalhista.
A resolução administrativa 70/2012 estabelece a nova estrutura administrava do TRT/MT e especifica os 176 cargos criados, que, conforme a lei prevê, 154 devem de nível superior e 22 de nível médio. A especificidade dos cargos de acordo com a nova resolução do TRT está na tabela abaixo.
De acordo com a lei orçamentária para este ano, está previsto o provimento de 64 cargos a partir deste mês de julho. Neste primeiro lote, também de acordo com resolução 63, deverão ser lotados apenas os cargos de analista judiciário da área judiciária e técnico judiciário da área administrativa.
Os demais 112 cargos criados serão providos de acordo suplementações orçamentárias a serem liberadas a critério do CSJT, ou com o orçamento do próximo exercício.
Veja o demonstrativo de enquadramento de áreas e especialidades dos cargos da Lei nº. 12.660/2012
Nível Superior: Analista Judiciário Área Judiciária – sem especialidade (120), Analista Judiciário – Área Administrativa (18), Analista Judiciário Apoio Especializado: Arquitetura (1), Contabilidade (3), Enfermagem (1), Engenharia Civil (1), Estatística (1), Jornalismo (1), Rádio e TV (1), Serviço Social (1), Tecnologia da Informação (6);
Nível Médio: Apoio Especializado – Tecnologia da Informação (5), Técnico Judiciário – Administrativa (17).

Fonte: PCI Concursos

Tags: , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑