Administrativa no image

Publicado em 15/01/2013 | por Mestre

TRT / RJ

Prova Objetiva e redação no dia 27/01…
Os 97.069 inscritos no concurso do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ) farão as provas objetivas e discursivas no próximo dia 27. A convocação para os exames já consta na FOLHA DIRIGIDA Online. As avaliações serão realizadas às 8h30, para técnico judiciário (área administrativa) e analista judiciário (área judiciária), e às 15h, para analista judiciário (áreas administrativa e judiciária). Ambos os exames terão duração de quatro horas. As provas serão aplicadas nas cidades de Duque de Caxias, Niterói, Nova Iguaçu, Rio de Janeiro e São Gonçalo. A avaliação objetiva constará de 60 questões sobre as disciplinas de Português, Informática, Matemática e Raciocínio Lógico, além de Conhecimentos Específicos nas respectivas áreas, para todos.
Só serão corrigidas as redações de quem for aprovado no exame de múltipla escolha e ficar classificado entre os 800 primeiros para o cargo de analista judiciário da área judiciária; 400 para analista judiciário em execução de mandados; 400 para analista da área administrativa e mil para técnico judiciário da área administrativa. O cartão de confirmação de inscrição (CCI), contendo o local e horário da prova objetiva e da redação, deverá ser liberado três dias antes dos exames. O informativo estará disponível no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora, e também será enviado aos e-mails dos candidatos. Quem não receber o documento até o dia 24 deste mês ou verificar algum erro deverá entrar em contato com a organizadora pelo Serviço de Atendimento ao Candidato (SAC).
O concurso oferece um total de 43 vagas, sendo 38 (duas para deficientes) para técnico judiciário, cargo que exige o nível médio e oferece inicial de R$4.762,96. Para analista judiciário na especialidade área judiciária, que requer graduação em Direito, há uma chance, com remuneração inicial de R$7.321,39. Para analista judiciário na área judiciária, na especialidade de Execução de Mandados, é preciso ter ensino superior completo em Direito. Os ganhos iniciais da função, que oferece três vagas, são de R$10.195,05.
Já para analista judiciário na área administrativa, que exige graduação superior em qualquer área, há uma chance. A remuneração é de R$7.321,39. Em todos os valores citados já estão incluídos os R$710 do auxílio- alimentação. Na remuneração do analista em Execução de Mandados também já estão inseridos os R$1.344,97 do auxílio-transporte. Além dos atrativos ganhos iniciais, o concurso oferece ainda estabilidade, assegurada pelo regime estatutário.

Serviço
Serviço de Atendimento ao Candidato (SAC) da Fundação Carlos Chagas: (11) 3723-4388, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h.

Fonte: Folha Dirigida

Tags: , , , , ,


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑