Administrativa no image

Publicado em 12/09/2012 | por Mestre

TST

77.787 Inscritos
Neste domingo, dia 16, ocorre a primeira etapa do concurso do Tribunal Superior do Trabalho (TST). Candidatos a técnico judiciário farão os exames das 8h às 11h (ou até as 12h30 se da especialidade Programação), e a analista, das 14h30 às 19h. O local de prova pode ser conferido no Cartão Informativo, enviado a cada participante, ou no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora, informando os dados cadastrais.
Um total de 77.887 pessoas se inscreveram para participar da primeira fase do concurso, sendo 1.076 como portadores de deficiência. O cargo de técnico da área administrativa conta com o maior número de concorrentes: 41.337 em ampla concorrência e 583 às vagas reservadas. Os participantes farão 30 questões objetivas sobre Conhecimentos Básicos e 30 de Conhecimentos Específicos para candidatos ao cargo de técnico, enquanto analistas responderão, respectivamente, a 20 e 40 questões de cada. Concorrentes do nível superior terão de redigir uma redação e técnicos com especialidade em Programação, um estudo de caso.
Na parte de Conhecimentos Gerais, Regimento Interno será a única disciplina cobrada de todos os cargos, enquanto Português só não cairá para a especilidade Taquigrafia, de analista, que responderá a Noções de Direito Constitucional e Administrativo. Os participantes do nível médio também farão itens de Raciocínio Lógico.
Para ser aprovado, é preciso alcançar o número mínimo de pontos (200) depois de aplicada a fórmula para cálculo da média individual. Na discursiva, candidatos a analista e a técnico da especialidade Programação devem conseguir, pelo menos, metade dos pontos e ficar dentro do limite de textos a serem corrigidos, variável por cargo/área/especialidade. Também haverá exame prático para os classificados na primeira fase, dependendo da área/especialidade escolhida.
O concurso é para preenchimento de 37 vagas nas funções de técnico e analista. A primeira tem remuneração de R$4.762 e a segunda, de R$7.321,39, para carga de 40 horas semanais, em regime estatutário. A seleção será válida por dois anos, podendo ser prorrogada igualmente.

Veja orientações finais:

- O candidato que não receber o Cartão Informativo até esta quinta-feira, dia 13, ou que tiver dúvidas quanto à aplicação das provas, deverá entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Candidato (SAC) da FCC, pelo telefone (11) 3723-4388, de segunda a sexta-feira, em dias úteis, das 10h às 16h (horário de Brasília) ou consultar o site da organizadora para verificar o seu local de prova.

- Quem concorre ao cargo de técnico deverá chegar ao local de prova, pelo menos, às 7h30, e ao de analista, às 14h, horários de abertura dos portões nos turnos da manhã e da tarde, respectivamente. Os portões serão fechados às 8h (manhã) e às 14h30 (tarde).

- Poderão ser usados como documento original de identidade: carteiras ou cédulas de identidade expedidas pelas Secretarias de Segurança Pública, Forças Armadas, Polícia Militar ou Ministério das Relações Exteriores; cédula de identidade para estrangeiros; fornecidas por órgãos ou conselhos de classe que valem como documento de identidade; certificado de reservista; passaporte; Carteira de Trabalho e Previdência Social, bem como Carteira Nacional de Habilitação.

- Todos os candidatos deverão levar caneta esferográfica de material transparente de tinta preta, lápis preto nº2 e borracha. Os deficientes visuais que solicitaram prova especial em braille deverão levar reglete e punção, podendo, ainda, utilizar-se de soroban.

- Poderá ser eliminado quem fizer uso de qualquer tipo de aparelho eletrônico ou de comunicação (telefone celular, relógios digitais, agenda eletrônica, notebook, gravador, smartphone ou equipamentos similares), bem como protetores auriculares ou utilizando-se de livro, anotação, impresso não permitido, máquina calculadora ou afins.

- Os aparelhos eletrônicos listados acima deverão ser desligados e colocados em embalagem específica a ser dada pela FCC antes do início da prova, devendo a embalagem permanecer fechada até a saída do candidato do local de prova.

- Outros pertences, como bolsas, sacolas, bonés, chapéus, gorros e óculos escuros não poderão ser usados durante as provas, devendo permanecer embaixo da mesa/carteira até o término da avaliação.

Fonte: Folha Dirigida

Tags:


Sobre o autor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Back to Top ↑